segunda-feira, 2 de maio de 2016

O Caçador e a Rainha do Gelo (The Huntsman: Winter's War, 2016)

São duas histórias em uma. O filme começa com um prelúdio de Branca de Neve e o Caçador (2012) e a partir de um certo momento pula anos após os acontecimentos do primeiro filme. Já deu para perceber que isso está meio confuso, né?


Pois então, é isso mesmo, o filme tem duas histórias centrais, uma é a história da Rainha do Gelo (Emily Blunt), de como ela tornou-se má e construiu seu reino gelado, e a outra é a busca pelo espelho da Rainha Má (Charlize Theron), que após a sua morte, o caçador Éric (Chris Hemsworth) quer tentar impedir que o espelho caia em mãos erradas. Até aí, é uma boa desculpa para continuar a história que teria tudo para dar certo se não fosse o roteiro extremamente confuso e perdido. E como se não bastasse, temos o romance mais sem graça e sem química do ano entre o caçador e a personagem de Jessica Chastain, em meio a guerra.


O filme se perde no ritmo, as vezes sombrio, as vezes bobinho, o alívio cômico são os anões que não funcionam muito bem no começo, suas piadas 70% são descartáveis, até que encontram o tom lá na segunda parte do filme, deu pra rir um pouquinho, eu já estava achando que seriam totalmente dispensáveis. O elenco é excelente porém, tive pena, não há diálogos a altura destes atores, não há história convincente e pouco material para se trabalhar. As atuações são boas, mas o roteiro não ajuda, é fraco. 

Os efeitos visuais são encantadores, CGi e cenografia casam muito bem, há cenas de luta que são bem coreografadas com enquadramentos amplos para melhor visualização. As criaturas parecem reais, ficou muito bonito. A concepção visual é impecável, produção de arte, figurino, maquiagem, estão de parabéns, nota 10. O longa tem um visual digno de Oscar, a trilha sonora também é boa, o esforço dos atores é visível, mas os diálogos algumas vezes chegam a ser ridículos, e para "fechar com chave de ouro" (para não dizer "entrar numa fria"!) existe um narrador. Sim, uma voz em off que vai até a primeira metade do filme e some, voltando no encerramento explicando tudinho que você, expectador, não está conseguindo entender. Aff!!!



Pra ser bem sincera, o conto de fadas ficou devendo muito, Frozen + Branca de Neve (sem Branca de Neve!) + Valente + João e Maria: Caçadores de Bruxas, com direito a romance piegas, motivações falhas para uma guerra, ou seja, uma colcha de retalhos que não funcionou. Eu não direi que foi uma tremenda perda de tempo, porque gostei muito do visual do filme, mas nem a diva Charlize Theron e nem o gatíssimo Chris Hemsworth conseguem salvar este longa. E mesmo achando Branca de Neve e o Caçador bem fraquinho, ainda é melhor do que este. Pronto falei!





O Caçador e a Rainha do Gelo está em cartaz nos cinemas de todo Brasil, cinema é sempre uma boa pedida. Divirtam-se!