segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Especial Halloween - O Corvo (The Crow, 1994)

Como chegar no dia 31 de outubro e não lembrar de O CorvoUma das mais bem sucedidas adaptações de quadrinhos para o cinema.

Sinopse: Eric Draven e sua noiva Shelly são brutalmente assassinados na Noite do Demônio, a noite que precede o Halloween. Um ano depois, Eric volta do mundo dos mortos guiado por um corvo. Inicialmente sem lembranças do ocorrido, volta ao seu antigo loft onde recobra as memórias e a dor da morte. Eric pinta em seu rosto e inicia uma caçada para vingar-se de seus assassinos.


A realização deste filme foi marcada pela morte de Brandon Lee, filho de Bruce Lee. Uma das cenas rodadas para o filme requeria que uma arma fosse carregada, engatilhada e apontada para a câmera mas, por causa da curta distância do take, a munição carregada era de verdade mas sem pólvora. Após a realização desta cena, o assistente do armeiro (não o armeiro, que já havia deixado o set) limpou a arma para retirar as cápsulas, derrubando um dos projéteis no cano. A cena seguinte a ser filmada envolvendo aquela arma era o estupro de Shelly, sendo que a arma foi carregada com festim (que normalmente tem duas ou três vezes mais pólvora do que um projétil normal, para fazer um barulho alto). Lee entrou no set carregando uma sacola de supermercado contendo um saco de sangue explosivo. No roteiro constava que Funboy deveria atirar em Eric Draven quando ele entrasse na sala, estourando o saco de sangue. O projétil que estava preso no cano foi disparado em Lee através da sacola que ele carregava, matando-o. Depois de interromper a cena e vendo que Brandon não levantava, o diretor do longa o socorreu e ele foi levado imediatamente ao hospital, porém após 6 horas de cirurgia ele não resistiu, Brandon Lee tinha apenas 28 anos.


As filmagens foram interrompidas perto da conclusão devido ao acidente que matou Brandon Lee, que interpretava o protagonista Eric Draven. Apenas após um acordo com a família do ator, o filme foi concluído e lançado. Finalizado com o roteiro rescrito, que só tinha mais três dias de filmagem. Efeitos digitais colocaram seu rosto no corpo de dublês.


A cena, registrada em filme, foi usada na investigação policial e, posteriormente, destruída. Apenas vários anos após o filme ter entrado no circuito comercial, o ator Michael Massee, que interpretou Funboy, revelou em uma entrevista que fora ele que, sem saber, disparara a bala que encerrou a vida de Brandon, na cena em que Eric e Funboy se confrontam. Michael Masse, afastou-se e ficou um ano sem trabalhar como ator, ele faleceu na semana passada no dia 26 de outubro.


Quanto a premiações do longa-metragem...

Recebeu indicado na categoria de Melhor Figurino, Melhor Diretor, Melhor Filme de Terror e Melhores Efeitos Especiais pelo Prêmio Saturno 1995 (Academy of Science Fiction, Fantasy & Horror Films, EUA).
Indicado nas categorias de Melhor Ator (Brandon Lee) e Melhor Filme, e venceu na categoria de Melhor Canção (Stone Temple Pilots) pelo MTV Movie Awards 1995 (EUA).


A produção conta com quatro sequências que, embora sejam baseadas na mesma premissa, contam com personagens e enredos diferentes do original. São eles:

  • O Corvo: A Cidade dos Anjos (The Crow: City of Angels), de 1996.
  • O Corvo: A Salvação (The Crow: Salvation), de 2000.
  • O Corvo: Vingança Maldita (The Crow: Wicked Prayer), de 2005.
Todas as sequências não foram tão bem-sucedidas quanto o primeiro filme.



O poema que Eric Draven recita quando entra na loja de Gideon é "The Raven", de Edgar Allan Poe.

O Corvo é uma adaptação cinematográfica da história em quadrinhos homônima de James O'Barr. O filme foi produzido em 1994, co-escrito por David J. Schow e John Shirley e dirigido por Alex Proyas.
Elenco: Brandon Lee, Angel David, Ernie Hudson, Ling Bai, Rochelle Davis
Data de lançamento: 11 de maio de 1994 (EUA) / 19 de Agosto de 1994 (Brasil)
Duração: 102 min. Música composta por: Graeme Revell